Malcolm é um jornalista canadense que com apenas 3 livros publicados vendeu 10 milhões de cópias. Ele busca estudar a razão comportamento humano a partir das experiências espaciais e sociais das pessoas e como essas posturas. Um dos livros mais interessantes dele chama-se: “O ponto da Virada”. Nesse livro ele explica como a manutenção da pintura dos trens do metrô de Nova York foi fundamental no processo de redução da criminalidade naquela cidade.

Confira a entrevista aqui.